Novidades

Na coluna de Nelson Motta: “Malandragem e elegância popular”!

Postado em # # # # #

Mai

29

zeca-site-valendo

Em recente matéria veiculada no Jornal da Globo, o jornalista e produtor musical Nelson Motta afirmou: “Sinônimo, ao mesmo tempo, de samba e de alegria, aos 54 anos, Zeca pode se orgulhar de ter criado um estilo que sintetiza a malandragem e a elegância popular e de ter conquistado legiões de fãs, de todas as gerações e classes sociais”.

Fã  assumido de Zeca, Nelson destaca que estes são “30 anos de uma das mais brilhantes carreiras da música brasileira”. Ao fazer uma rápida retrospectiva sobre a carreira do sambista, a matéria lembra a parceria entre Zeca e Beth Carvalho e a Velha Guarda da Portela, além de destacar a relação carinhosa do sambista com o distrito de Xerém.

Confira a matéria!

Xuxa faz visita surpresa ao Instituto Zeca Pagodinho

Postado em # # # # # #

Mai

24

xuxa-e-zeca-xerem2

Zeca Pagodinho e Xuxa são amigos de longa data e já realizaram diversos trabalhos juntos. Ambos têm afinidades em comum e uma delas é o trabalho social com crianças e adolescentes. A apresentadora mantém a Fundação Xuxa Meneguel  e o sambista, o Instituto Zeca Pagodinho, em Xerém, na baixada fluminense.

Na última quinta-feira (23/05), Xuxa fez uma visita surpresa à escolinha de música do Instituto de Zeca, “invadindo” as aulas de artes, piano e voz! Durante a visita, que causou surpresa e emoção, a apresentadora conversou com professores e alunos e conheceu o local.

No final do encontro, que será exibido, em breve, no programa TV Xuxa, todos os presentes se reuniram numa tenda, especialmente montada para a ocasião, para uma roda de samba com a Velha Guarda da Portela, Dudu Nobre, as crianças e adolescentes da Fundação e os amigos de Zeca, de Xerém.

criancas-xerem

Xuxa e Zeca gravaram juntos a faixa “Vida que Segue”, para o  “Zeca Pagodinho Multishow Ao Vivo: 30 anos, Vida que Segue“.

Confira o vídeo!

Veja mais fotos deste encontro no Facebook/Instagram oficiais do sambista.

Para ler matéria veiculada sobre este assunto, no globo.com, clique aqui.

Zeca leva ritmo ao palco do “Altas Horas”

Postado em # # # # # # #

Mai

20

Zeca-Altas-Horas-site

No dia 18 de maio, Zeca Pagodinho esteve no Programa “Altas Horas”, de Serginho Groisman. Durante a participação do sambista, o público acompanhou os clássicos regravados por Zeca em seu novo trabalho, “Zeca Pagodinho Multishow Ao Vivo: 30 anos, Vida que Segue”, cantando junto e marcando o tempo das canções, com palmas.

“Este trabalho homenageia compositores antigos. Então, quem é das antigas vai curtir e quem é jovem, vai aprender”, ressaltou Zeca.

Durante a apresentação, o cantor Dudu Nobre, que também participou do programa lembrou as composições que fez em parceria com o Zeca e as músicas dele que o Zeca gravou. “Foram muitas coisas bacanas, graças a Deus”, revelou.

Assista!

Fazendo referência à cidade onde é gravado o programa, Zeca cantou “Trem das Onze”, de Adoniran Barbosa.

Assista Zeca cantando a música “Diz que eu fui por Aí”, de Zé Keti.

“O Sol Nascerá”, de Cartola, também esteve entre as canções apresentadas.

Confira o sambista cantando “Pimenta no Vatapá”, de Claudio Jorge e João Nogueira!

Zeca Pagodinho e Dudu Nobre cantaram as músicas que fizeram em parceria “Eu vou Botar teu nome na Macumba” e “Quem é Ela”!

Mai

17

zeca-todos

No novo trabalho do sambista, “Zeca Pagodinho Multishow Ao Vivo: 30 anos, Vida que Segue“, a cantora Marisa Monte participa de um momento muito especial, interpretando a canção “Preciso Me Encontrar”, de Candeia.

Para completar o encontro de virtuosos, o momento conta ainda, com a participação de Hamilton de Holanda no bandolim e Yamandu Costa no violão, além da citação de “Melodia Sentimental”, de Heitor Villa-Lobos.

Confira a parceria desses artistas tão talentosos!

Cante junto e compre a faixa aqui!

Preciso Me Encontrar
Citação: Melodia Sentimental

Deixe-me ir, preciso andar
Vou por aí a procurar
Sorrir pra não chorar
Se alguém por mim perguntar
Diga que eu só vou voltar
Quando eu me encontrar

Quero assistir ao sol nascer
Ver as águas dos rios correr
Ouvir os pássaros cantar
Eu quero nascer, quero viver

Deixe-me ir, preciso andar…

Quero assistir ao sol nascer
Ver as águas dos rios correr
Ouvir os pássaros cantar
Eu quero nascer, quero viver
Deixe-me ir, preciso andar
Vou por aí a procurar
Sorrir pra não chorar

Quero assistir ao sol nascer
Ver as águas dos rios correr
Ouvir os pássaros cantar
Eu quero nascer, quero viver

Deixe-me ir, preciso andar
Vou por aí a procurar
Sorrir pra não chorar

Se alguém por mim perguntar
Diga que eu só vou voltar
Quando eu me encontrar

Se alguém por mim perguntar…

Fotos: Guto Costa

Mai

13

A partir de hoje, você poderá conhecer um pouco mais sobre o repertório do projeto que celebra os 30 anos de carreira de um dos sambistas mais queridos do Brasil: Zeca Pagodinho! A série  “Conheça a canção” trará informações históricas sobre as músicas escolhidas pelo Zeca para compor seu novo trabalho Zeca Pagodinho Multishow Ao Vivo: 30 anos, Vida que Segue. Confira abaixo a primeira canção escolhida, “O sol nascerá”, um clássico de Cartola e Elton Medeiros.

CONHECA A CANÇÃO – O SOL NASCERÁ

Composto por Cartola e Elton Medeiros em 1960, foi gravado, primeiramente por Nara Leão, em 1964. Não há quem não conheça os versos “A sorrir, eu pretendo levar a vida. Pois chorando, eu vi a mocidade perdida…”.

Mas o que pouca gente sabe é que este clássico da Música Popular Brasileira originou-se de um desafio feito por um amigo de Cartola, Renato Agostini, que duvidou que o compositor pudesse criar uma canção rapidamente. Em resposta à gaiata provocação feita no restaurante Zicartola, de Cartola e Dona Zica, o compositor criou esta pérola da música em, apenas, trinta minutos!

E você, já ouviu a versão do Zeca para este clássico da MPB? Não? Então escute e compre aqui!

Assista e cante com o Zeca! Confira a letra, abaixo:

O Sol Nascerá

A sorrir
Eu pretendo levar a vida
Pois chorando
Eu vi a mocidade perdida

Finda a tempestade
O sol nascerá
Finda esta saudade
Hei de ter outro alguém para amar

A sorrir…

Dona Irinéia revela curiosidades sobre o filho, Zeca

Postado em # # # #

Mai

10

Zeca1-ano

Entrando no clima do Dia das Mães, não poderíamos nos esquecer de Dona Irinéia, mãe do sambista, por ter, juntamente com o Seu Jessé, gerado essa figura tão querida!

Neste vídeo, a mãe de Zeca Pagodinho revela um pouco mais sobre o temperamento do filho, lembrando o fato de o sambista ter nascido em pleno Carnaval! Neste depoimento, Zeca fala, ainda, sobre o fascínio dele pelos morros do Rio.

Assista!

Carisma e bom humor no Programa do Jô!

Postado em # # # #

Mai

07

zeca-pagodinho2_site

No dia 6 de maio,  Zeca Pagodinho esteve no Programa do Jô, apresentado pelo jornalista Jô Soares. Durante o animado bate-papo, o sambista fez revelações inusitadas, cantou, relembrou causos e falou sobre o seu novo trabalho  “Zeca Pagodinho Multishow Ao Vivo: 30 anos, Vida que Segue“.

No decorrer da entrevista, Jô lembrou a Zeca: “você emocionou o País inteiro”, no incidente em Xerém. Com sua simplicidade, Zeca responde: “você faria o mesmo (…), porque são as pessoas com as quais convivo, as crianças que vi crescer (…) eu prefiro ver Xerém como sempre vi: em festa”.

Neste vídeo, Zeca canta o samba “Atire a Primeira Pedra”, de Ataulfo Alves:

Confira a entrevista do sambista no Programa!

Confira o momento em que Zeca cantou a música, “O Sol Nascerá”, de Cartola.

Parceria com Djavan e Alcione!

Postado em # #

Mai

06

Zeca com Alcione e Djavan no estúdio

Zeca com Alcione e Djavan no estúdio

Zeca acaba de realizar uma parceria das boas! Ele compôs uma letra, que foi musicada por Djavan e interpretada por Alcione. Saiba mais nessa matéria publicada no site do Djavan:

“No início do ano, Djavan se encontrou com seu amigo Zeca Pagodinho num vôo internacional. Conversa vai, conversa vem, os amigos decidiram: tinham que fazer uma música juntos!

Na ocasião do aniversário do sambista, Djavan foi em sua casa e “cobrou” a letra. Não deu outra, Zeca lhe entregou uma composição inédita. Djavan foi para casa e começou a criar a melodia e harmonia. Com a música pronta, teve uma ideia. Que tal ter Alcione como intérprete dessa parceria?

O resultado desse encontro de bambas poderá ser conferido no disco que Alcione lança em breve. A música ganhou um nome diferente, “Êh Êh”, expressão com muitos significados!

“Trinta anos não são trinta dias!”

Postado em # # # # # #

Mai

02

Em uma série de vídeos produzidos pelo jornal carioca Extra, personalidades do samba como Alcione, Arlindo Cruz, Monarco, Dudu Nobre, Beth Carvalho, entre outros, relembram fatos, cantam e homenageiam Zeca  pelos seus 30 anos de carreira, assista!

Ao lembrar a obra de Zeca , familiares e amigos cantam “Verdade”:

Neste vídeo, Zeca  conta detalhes sobre o projeto  “Vida que Segue”, que traz clássicos do samba, “para os novos aprenderem e os mais velhos relembrarem”. Assista!